A Área Metropolitana do Porto (AMP) deu por concluída a fase de testes ao Sistema Integrado de Videovigilância para a Prevenção de Incêndios Florestais na AMP, que contou com o apoio do POSEUR e beneficiou de uma taxa de cofinanciamento de 100% do Fundo de Coesão.

O Projeto  envolveu a colaboração de vinte entidades nomeadamente: a Área Metropolitana do Porto, a Guarda Nacional Republicana (Comandos Territoriais do Porto e Aveiro), a Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil (CDOS Porto e Aveiro) e os 17 municípios que integram a AMP e tem como objetivo reforçar as dimensões transversais de monitorização, comunicação e planeamento em matéria preventiva de combate a incêndios, pelo aumento da capacidade operacional em termos de antecipação, reação e recuperação face à ocorrência no território da Área Metropolitana do Porto.

O sistema instalado conta com as seguintes características:

  • Instalação de 7 novas TAR (Torres de Acompanhamento Remoto), e a modernização de 4 TAR existentes, equipadas com câmaras de vigilância, câmaras de deteção automática e todos os restantes equipamentos necessários à operação;
  • Instalação de 1 novo Centro de Gestão e Controlo (CGC), no Comando Territorial da GNR do Porto, e a ampliação e modernização do CGC existente no CDOS do Porto;
  • Instalação de 17 Centros de Monitorização Remota (CMR) secundários, instalados nos municípios integrantes da AMP e 2 Centros de Monitorização Remota no Comando Territorial da GNR e no CDOS de Aveiro;
  • Instalação de 1 Centro de Monitorização Remota (CMR) em veículo de comando afeto ao CDOS do Porto;
  • Integração com o sistema de acompanhamento remoto e aquisição de dados já existente no distrito do Porto.

A execução dos trabalhos de instalação do Sistema foi concluída no início da primavera e, depois da fase de testes, recebeu a 17 de agosto, o despacho de autorização para utilização do sistema implementado assinado pelo Secretário de Estado Adjunto e da Administração Interna, Antero Luís, sendo o primeiro sistema do país a funcionar com esta autorização.