É com enorme preocupação que o PCP encara o recente encerramento do Polo de Pardilhó da USF Águas do Gonde, embora seja apenas por um período aparentemente curto, serão duas semanas de constrangimentos com que a população de Pardilhó se irá deparar.
Pelo que conseguimos apurar, a Câmara Municipal diz que irá prestar transporte aos utentes, mesmo não sabendo com que regularidade, horários e duração, temos a certeza que esta solução não é conveniente nem prática para a população, limitando ainda mais o seu acesso a um direito constitucional, como é neste caso o direito à Saúde. Ainda que parcialmente solucionado ficam muitas dúvidas de como será no futuro e o que pretendem os executivos fazer para que esta situação não se repita.
Para o PCP só existe uma solução possível, que é o reforço dos profissionais de saúde, esta é até uma reivindicação nossa e da população.
Contamos que esta situação não se volte a repetir, pois é de extrema importância garantir o acesso à saúde para todos.
É por isto que o PCP continuará a lutar, tal como sempre o fez quando este governo do PS/PSD iniciou o encerramento de vários centros e extensões de saúde como foi o caso do Posto Médico de Canelas e o de Fermelã e até  Hospitais, como foi o caso do nosso Hospital Visconde de Salreu.
Estarreja, 24 de Agosto de 2021
A comissão concelhia de Estarreja do PCP