De 7 de setembro e 3 de outubro decorrerá a 1ª edição do Programa de Voluntariado DRCN-EHTP, que consiste na realização de estágios de alunos da Escola de Hotelaria e Turismo do Porto (EHTP) em museus e monumentos afetos à Direção Regional de Cultura do Norte (DRCN).

Nesta fase de arranque da primeira edição, os voluntários da Escola de Hotelaria e Turismo do Porto (Turismo de Portugal), realizarão os seus estágios no Mosteiro da Serra do Pilar, em Vila Nova de Gaia, e no Paço dos Duques, em Guimarães.

Este programa, de periodicidade anual, é concretizado ao abrigo do protocolo de colaboração entre ambas as instituições, o qual prevê ainda a realização de ações conjuntas nas áreas de Cooperação técnica, Apoio logístico e recursos humanos, Documentação e ID, Formação e especialização, Eventos culturais e científicos.

Igualmente relevante é o facto da Direção Regional de Cultura do Norte integrar a Comissão Regional de Formação da Escola de Hotelaria e Turismo do Porto (órgão consultivo), desde fevereiro deste ano, na sequência da publicação do Decreto‐Lei nº 110/2019 de 14 de agosto e da Portaria Nº 292/2019 de 6 de setembro, que enquadram o novo regime de autonomia, administração e gestão das escolas de hotelaria e turismo do Turismo de Portugal, I. P., foi criada uma Comissão Regional (órgão consultivo) associada a cada uma das Escolas, a qual tem por missão participar na definição e implementação da estratégia de formação na região de influência de cada escola.

Pretende-se com esta iniciativa uma atuação sincronizada entre formação e atuação, proporcionando aos alunos voluntários uma experiência real de trabalho em áreas de atividade próximas ao mercado de trabalho na área do Turismo-Cultural.

 

Sobre a Direção Regional de Cultura do Norte

A Direção Regional de Cultura do Norte é um organismo desconcentrado do Ministério da Cultura, tendo por missão, a criação de condições de acesso aos bens culturais, o acompanhamento das atividades e a fiscalização das estruturas de produção artística financiadas pelo Ministério da Cultura, o acompanhamento das ações relativas à salvaguarda, valorização e divulgação do património arquitetónico e arqueológico e, ainda, o apoio a museus.

É competência da Direção Regional de Cultura do Norte, entre outras, garantir a gestão dos monumentos e sítios afetos, assegurando as condições para a sua fruição pelo público; assim como colocar os valores da cultura e do património cultural em prol do desenvolvimento integral e sustentável da região. 

Na sua área geográfica de intervenção (NUT II Norte) existem 1400 bens classificados, sendo 1300 classificados nas categorias interesse nacional e interesse público e 5 patrimónios mundiais: Centro Histórico do Porto, Centro Histórico de Guimarães, Alto Douro Vinhateiro, Vale do Côa e Santuário do Bom Jesus de Braga. 

Deste universo, 392 bens classificados são propriedade do Estado e destes 56 estão afetos à Direção Regional de Cultura do Norte, a que se juntam 7 museus.

 

Sobre a Escola de Hotelaria e Turismo do Porto

Onde a inovação se inova

A Escola de Hotelaria e Turismo do Porto (EHTP) é, desde 1968, uma das principais referências formativas do setor do turismo e desde sempre uma Escola com uma cultura própria e distintiva, a qual integra a rede Escolar do Turismo de Portugal, constituída por 12 escolas, de norte a sul do país.

Através da estratégia “A Afirmação”, que contém em si as principais linhas de força que orientam a atividade da EHTP, estratégia essa assente no reconhecimento e valorização de quem forma e de quem é formado e na excelência dos recursos e metodologias disponibilizadas, a EHTP forma e qualifica anualmente várias centenas de alunos e profissionais, capacitando-os para as principais atividades de serviços com maiores índices de evolução e exigência, beneficiando adicionalmente do selo de qualidade das Escolas do Turismo de Portugal, prosseguindo assim o seu propósito de formar profissionais de elevado valor acrescentado.

Info: https://escolas.turismodeportugal.pt/escola/porto/.

 

Sobre o Turismo de Portugal

Integrado no Ministério da Economia e da Transição Digital, o Turismo de Portugal é a Autoridade Turística Nacional responsável pela promoção, valorização e sustentabilidade da atividade turística. Agrega numa única entidade todas as competências institucionais relativas à dinamização do turismo, desde a oferta à procura. Com uma relação privilegiada com as outras entidades públicas e os agentes económicos, no país e no estrangeiro, o Turismo de Portugal está empenhado em cumprir o desígnio de reforçar o turismo como um dos pilares do crescimento da economia portuguesa.

Info: https://www.turismodeportugal.pt